terça-feira, julho 16, 2019
Início > Política > Distrital afirma que GDF deixou de executar R$ 251 milhões em Educação

Distrital afirma que GDF deixou de executar R$ 251 milhões em Educação

Prudente diz ter verificado sobra de R$ 251 milhões

Desde o retorno das atividades parlamentares, distritais têm denunciado a baixa execução orçamentária por parte do governo do Distrito Federal ao longo de 2015. Na sessão ordinária desta quarta-feira (17), o debate recaiu sobre os recursos destinados à educação. O deputado Rafael Prudente (PMDB) diz ter verificado uma sobra de R$ 251 milhões no orçamento destinado à pasta. “Falta planejamento e gestão. Falam de crise econômica, mas não executamos nem o previsto”, disparou.
O peemedebista citou algumas áreas que deveriam ter sido beneficiadas: do que restou em caixa, R$ 86 milhões estavam destinados para ações de manutenção do ensino; R$ 14 milhões para administração de pessoal; R$ 40 milhões para o ensino profissionalizante; R$ 13 milhões para a reforma de escolas, e R$ 21 milhões para o transporte escolar.
O deputado Wasny de Roure (PT) elogiou o levantamento do colega e reforçou a função fiscalizadora do Legislativo. Para ele, a Secretaria de Educação precisa de gestores administrativos. Já o deputado Rodrigo Delmasso (PTN) questionou o não remanejamento dos recursos para o pagamento das dívidas do governo.
O líder do governo na Casa, deputado Júlio César (PRB), informou que pretende se reunir com o secretário Júlio Gregório para esclarecer o montante não executado.
Compartilhe em suas redes sociaisShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Share on Tumblr
Tumblr
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *