sábado, agosto 24, 2019
Início > Geral > Então rolava uma “mortadela” do PMDB, do DEM e do PSDB para o MBL, “seu” Kim?

Então rolava uma “mortadela” do PMDB, do DEM e do PSDB para o MBL, “seu” Kim?

Por Fernando Brito

Reportagem de Pedro Lopes e Vinícius Segall, no UOL,  Áudios mostram que partidos financiaram MBL em atos pró-impeachment:

O MBL (Movimento Brasil Livre), entidade civil criada em 2014 para combater a corrupção e lutar pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), recebeu apoio financeiro, como impressão de panfletos e uso de carros de som, de partidos políticos como o PMDB e o Solidariedade.

O movimento negociou também com a Juventude do PSDB ajuda financeira a suas caravanas, como pagamento de lanches e aluguel de ônibus, e teria tido apoio da “máquina partidária” do DEM.

Quando fundado, o movimento se definia como apartidário e sem ligações financeiras com siglas políticas. Em suas páginas em redes sociais, fazia campanhas permanentes para receber ajuda financeira das pessoas, sem ligação com partidos.
 Os coordenadores do movimento, porém, negociaram e pediram ajuda a partidos pelo menos a partir deste ano. Atualmente, o MBL continua com as campanhas de arrecadação nos seus canais de comunicação, mas se define como “suprapartidário”. Aliás, a contribuição financeira concedida é vinculada ao grau de participação do doador com o movimento. A partir de R$ 30, o novo integrante pode ter direito a votos.
Tem desculpas pra lá e pra cá, foi material, foi lanche, foi passagem, foi isso, foi aquilo.
O fato, porém, é que eles eram os primeiros a proclamar sua total independência dos partidos e a acusar os defensores da legalidade a serem movidos a “mortadela”.
Os comentários estão “bombando no site do UOL. E a defesa, claro, é a de dizer que os jornalistas são petistas ou “petralhas”.
E olha que só apareceu a pontinha do rabo desta gente.
Vai precisar de muita “coluna” de Kim Kataguiri na Folha para explicar.

 

Compartilhe em suas redes sociaisShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Pin on Pinterest
Pinterest
Share on Tumblr
Tumblr
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *